Arquivos

SEMEAR
WORK-LIFE BALANCE,

Projeto SEMEAR, a esperança no futuro

Sou uma grande admiradora do Projeto SEMEAR, que nasceu com o propósito maior de ensinar uma profissão a homens e mulheres portadores de deficiência, inseri-los no mercado de trabalho e ajudá-los a superar os seus obstáculos e dificuldades, construindo uma vida nova, mais plena e feliz.

memórias
WORK-LIFE BALANCE,

O poder das nossas memórias

Resolvi escrever sobre o poder das nossas memórias, porque tenho vindo a aperceber-me que, nestes tempos de tanta incerteza e dificuldade em fazer planos para mais do que um dia seguinte, temos de ir buscar a algum lugar a força anímica para nos mantermos com esperança, fé e atitude positiva.

segunda oportunidade
WORK-LIFE BALANCE,

Segunda oportunidade

Hoje, com a minha aldeia e os meus cães, com o meu jardim e o meu pomar, com os meus livros e os meus leitores, com os meus amigos – hoje, sou um homem feliz. Quando é que eu teria usado em público essas palavras, “um homem feliz”, nos tempos de Lisboa? Mesmo que fosse realmente feliz: que vergonha teria sido usar tais termos – que falta de gosto, que irresponsabilidade…?

mudar
MENTE SÃ,

Será que ele(a) vai mudar?

Quando gostamos de uma pessoa mas não nos sentimos felizes na relação, agarramo-nos à esperança de que ele(a) mude e possamos voltar a ser felizes. Às vezes damos por nós a repetir os mesmos erros e a ter dúvidas. Será que ele(a) é capaz de mudar?

ter esperança
MENTE SÃ,

Porque dói ter esperança?

A Esperança requer atenção e cuidados próprios, tal e qual como algo bastante delicado que pode morrer facilmente. Mas, como ter esperança quando tudo parece acabar? Qual a solução para acreditar, vencer o medo e ousar esperar?

Sonhemos juntos
MENTE SÃ,

Sonhemos juntos

“Sonhemos Juntos” é uma mensagem encorajadora e apaixonante que o Papa Francisco nos dirige a todos. É um apelo para refletirmos, juntos, num futuro melhor. Pois, se tivermos a coragem de mudar, podemos emergir desta crise da COVID-19 melhores do que éramos antes.

esperança
MENTE SÃ,

A esperança de mil corações

O último ano pôs-nos à prova de maneiras que não sabia ser possível. Uma pandemia provocada por um inimigo invisível, um vírus veloz, que abalou as pedras basilares em que assentavam os valores humanitários ao impedir hábitos sociais e culturais que tanto nos definem na humanidade em nós.